No items found.
No items found.
Menu
Finalizar o Pedido
0
HOME
CATÁLOGO
Política
Sem medo do futuro

Sem medo do futuro

Autor:
Guilherme Boulos
Ano:
2022
Tradutor:
Prefácio:
Luiza Erundina
Tradutor:
Prefácio:
Luiza Erundina
1ª Edição
Encadernação:
Brochura
ISBN:
9786553960060
páginas:
100
Dimensões:
14
cm
×
1
cm
×
21
cm
Peso:
210
g

RESUMO

A Editora Contracorrente tem a honra de anunciar a publicação do livro Sem medo do futuro, do professor, escritor, militante do MTST e político Guilherme Boulos. Com sua retórica inconfundível – direta e acessível –, Boulos entrega nesta obra (composto por cinco ensaios) uma análise aguda e lúcida do Brasil de hoje, que sofre o desmonte de suas recentes conquistas sociais. Apoiando-se em dados concretos e diversas referências, mas sem cair nas armadilhas do academicismo, Boulos procura também relacionar os problemas econômicos, políticos e ambientas contemporâneos do país com o nosso passado, marcado por injustiças e inversões de todo tipo, sempre em benefício de uma pequena elite. Mas o livro não se limita a esse contundente diagnóstico. Boulos aponta também para o futuro, ao apresentar uma série de ações concretas e propostas para que o país retome a esperança e saia do pântano em que se chafurdou (ou foi chafurdado). É, aliás, nesse aspecto – o futuro – que se concentra o prefácio do livro, assinado pela deputada Luiza Erundina, companheira de luta de Boulos: “plantamos sementes e mostramos que era possível. Agora, precisamos seguir em frente para uma bela colheita de primavera, em São Paulo e no Brasil. O caminho para isso é esperançar. Esse verbo foi cunhado pelo mestre centenário Paulo Freire. Ele dizia que a nossa esperança não pode vir do verbo esperar. Temos que sonhar e lutar por nossos sonhos. Temos que esperançar, não simplesmente para uma eleição, mas para uma geração e pelas próximas que virão. A história somos nós que fazemos”. Merece ainda especial destaque neste livro o esforço de Boulos para dar voz ao povo, diversas Marias e Joãos, trabalhadoras e trabalhadores desassistidos pelo Estado que encontram forças para seguir em frente a partir das diversas experiências coletivas nas ocupações do MTST. Para o autor, “as histórias de vida do povo mais sofrido deste país são ensinamentos em carne viva sobre estratégias de sobrevivência, valores comunitários e muita coragem”.

sobre

A Editora Contracorrente tem a honra de anunciar a publicação do livro Sem medo do futuro, do professor, escritor, militante do MTST e político Guilherme Boulos. Com sua retórica inconfundível – direta e acessível –, Boulos entrega nesta obra (composto por cinco ensaios) uma análise aguda e lúcida do Brasil de hoje, que sofre o desmonte de suas recentes conquistas sociais.

Apoiando-se em dados concretos e diversas referências, mas sem cair nas armadilhas do academicismo, Boulos procura também relacionar os problemas econômicos, políticos e ambientas contemporâneos do país com o nosso passado, marcado por injustiças e inversões de todo tipo, sempre em benefício de uma pequena elite. Mas o livro não se limita a esse contundente diagnóstico. Boulos aponta também para o futuro, ao apresentar uma série de ações concretas e propostas para que o país retome a esperança e saia do pântano em que se chafurdou (ou foi chafurdado). É, aliás, nesse aspecto – o futuro – que se concentra o prefácio do livro, assinado pela deputada Luiza Erundina, companheira de luta de Boulos: “plantamos sementes e mostramos que era possível. Agora, precisamos seguir em frente para uma bela colheita de primavera, em São Paulo e no Brasil. O caminho para isso é esperançar.

Esse verbo foi cunhado pelo mestre centenário Paulo Freire. Ele dizia que a nossa esperança não pode vir do verbo esperar. Temos que sonhar e lutar por nossos sonhos. Temos que esperançar, não simplesmente para uma eleição, mas para uma geração e pelas próximas que virão. A história somos nós que fazemos”. Merece ainda especial destaque neste livro o esforço de Boulos para dar voz ao povo, diversas Marias e Joãos, trabalhadoras e trabalhadores desassistidos pelo Estado que encontram forças para seguir em frente a partir das diversas experiências coletivas nas ocupações do MTST. Para o autor, “as histórias de vida do povo mais sofrido deste país são ensinamentos em carne viva sobre estratégias de sobrevivência, valores comunitários e muita coragem”.

Índice

Prefácio: Uma chamada de esperança – Luiza Erundina
Apresentação
A encruzilhada da pandemia
A doutrina do choque e as epidemias brasileiras
Para o bem ou para o mal
Para além de uma onda solidária
O despertar dos monstros
Vidas descartáveis
A grande mentira neoliberal
Bolsonaro e Waldo
Cidades, resistências e esperança
Cidade como espaço de segregação
O Brasil pós-bolsonaro
Brasil, terra arrasada
2023 não é 2003

Guilherme Boulos

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Suspendisse varius enim in eros elementum tristique. Duis cursus, mi quis viverra ornare, eros dolor interdum nulla, ut commodo diam libero vitae erat. Aenean faucibus nibh et justo cursus id rutrum lorem imperdiet. Nunc ut sem vitae risus tristique posuere.

Sem medo do futuro

Preço de capa do Produto:
R$ 44,00 
Preço do Produto:
R$ 39,60 
Definir CEP PARA CÁLCULO de Frete
Adicionar CEP
Definir CEP PARA  CÁLCULO de Frete
CEP
Não foi possível realizar o cálculo de frete. Por favortente novamente.
VALOR DO FRETE para IMPRESSO NORMAL EM ATÉ X DIAS:
R$
Preço FINAL com FRETE:
R$
TOTAL A PAGAR:
R$ 39,60 

Sem medo do futuro

Autor:
Guilherme Boulos
Prefácio:
Luiza Erundina
Prefácio:
Luiza Erundina
Tradutor:
Prefácio:
Luiza Erundina
Tradutor:
Prefácio:
Luiza Erundina
Tradutor:
Tradutor:
Luiza Erundina
Ano:
2022
1ª Edição
Encadernação:
Encadernação:
Brochura
ISBN:
9786553960060
Dimensões:
14
cm
×
1
cm
×
21
cm
Páginas:
100
Peso:
210
g

RESUMO

A Editora Contracorrente tem a honra de anunciar a publicação do livro Sem medo do futuro, do professor, escritor, militante do MTST e político Guilherme Boulos. Com sua retórica inconfundível – direta e acessível –, Boulos entrega nesta obra (composto por cinco ensaios) uma análise aguda e lúcida do Brasil de hoje, que sofre o desmonte de suas recentes conquistas sociais. Apoiando-se em dados concretos e diversas referências, mas sem cair nas armadilhas do academicismo, Boulos procura também relacionar os problemas econômicos, políticos e ambientas contemporâneos do país com o nosso passado, marcado por injustiças e inversões de todo tipo, sempre em benefício de uma pequena elite. Mas o livro não se limita a esse contundente diagnóstico. Boulos aponta também para o futuro, ao apresentar uma série de ações concretas e propostas para que o país retome a esperança e saia do pântano em que se chafurdou (ou foi chafurdado). É, aliás, nesse aspecto – o futuro – que se concentra o prefácio do livro, assinado pela deputada Luiza Erundina, companheira de luta de Boulos: “plantamos sementes e mostramos que era possível. Agora, precisamos seguir em frente para uma bela colheita de primavera, em São Paulo e no Brasil. O caminho para isso é esperançar. Esse verbo foi cunhado pelo mestre centenário Paulo Freire. Ele dizia que a nossa esperança não pode vir do verbo esperar. Temos que sonhar e lutar por nossos sonhos. Temos que esperançar, não simplesmente para uma eleição, mas para uma geração e pelas próximas que virão. A história somos nós que fazemos”. Merece ainda especial destaque neste livro o esforço de Boulos para dar voz ao povo, diversas Marias e Joãos, trabalhadoras e trabalhadores desassistidos pelo Estado que encontram forças para seguir em frente a partir das diversas experiências coletivas nas ocupações do MTST. Para o autor, “as histórias de vida do povo mais sofrido deste país são ensinamentos em carne viva sobre estratégias de sobrevivência, valores comunitários e muita coragem”.

sobre

A Editora Contracorrente tem a honra de anunciar a publicação do livro Sem medo do futuro, do professor, escritor, militante do MTST e político Guilherme Boulos. Com sua retórica inconfundível – direta e acessível –, Boulos entrega nesta obra (composto por cinco ensaios) uma análise aguda e lúcida do Brasil de hoje, que sofre o desmonte de suas recentes conquistas sociais.

Apoiando-se em dados concretos e diversas referências, mas sem cair nas armadilhas do academicismo, Boulos procura também relacionar os problemas econômicos, políticos e ambientas contemporâneos do país com o nosso passado, marcado por injustiças e inversões de todo tipo, sempre em benefício de uma pequena elite. Mas o livro não se limita a esse contundente diagnóstico. Boulos aponta também para o futuro, ao apresentar uma série de ações concretas e propostas para que o país retome a esperança e saia do pântano em que se chafurdou (ou foi chafurdado). É, aliás, nesse aspecto – o futuro – que se concentra o prefácio do livro, assinado pela deputada Luiza Erundina, companheira de luta de Boulos: “plantamos sementes e mostramos que era possível. Agora, precisamos seguir em frente para uma bela colheita de primavera, em São Paulo e no Brasil. O caminho para isso é esperançar.

Esse verbo foi cunhado pelo mestre centenário Paulo Freire. Ele dizia que a nossa esperança não pode vir do verbo esperar. Temos que sonhar e lutar por nossos sonhos. Temos que esperançar, não simplesmente para uma eleição, mas para uma geração e pelas próximas que virão. A história somos nós que fazemos”. Merece ainda especial destaque neste livro o esforço de Boulos para dar voz ao povo, diversas Marias e Joãos, trabalhadoras e trabalhadores desassistidos pelo Estado que encontram forças para seguir em frente a partir das diversas experiências coletivas nas ocupações do MTST. Para o autor, “as histórias de vida do povo mais sofrido deste país são ensinamentos em carne viva sobre estratégias de sobrevivência, valores comunitários e muita coragem”.

Índice

Prefácio: Uma chamada de esperança – Luiza Erundina
Apresentação
A encruzilhada da pandemia
A doutrina do choque e as epidemias brasileiras
Para o bem ou para o mal
Para além de uma onda solidária
O despertar dos monstros
Vidas descartáveis
A grande mentira neoliberal
Bolsonaro e Waldo
Cidades, resistências e esperança
Cidade como espaço de segregação
O Brasil pós-bolsonaro
Brasil, terra arrasada
2023 não é 2003

Guilherme Boulos

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Suspendisse varius enim in eros elementum tristique. Duis cursus, mi quis viverra ornare, eros dolor interdum nulla, ut commodo diam libero vitae erat. Aenean faucibus nibh et justo cursus id rutrum lorem imperdiet. Nunc ut sem vitae risus tristique posuere.

Relacionados

Relacionados

Lançamentos

Lançamentos

Ver Mais Livros RelacionadosVer Mais Lançamentos

Cadastre seu E-mail para Receber Novidades

E-Mail
Obrigado. Seu cadastro foi realizado com sucesso!
Não foi possível enviar seus dados. Por favor revise seu endereço de e-mail, aceite os termos e condições e tente novamente.
© Editora Contracorrente LTDA
2023
Alameda Itu, 852, 1º andar, Paulista, São Paulo – SP, 01421-002
CNPJ: 22.120.667.0001-60
Alameda Itu, 852, 1º andar, Paulista
CNPJ: 22.120.667.0001-60
São Paulo – SP
CEP: 01421-002
CNPJ: 22.120.667.0001-60
Ao clicar em "Aceitar", você concorda com o armazenamento de cookies em seu dispositivo para aprimorar a navegação no site, analisar o uso do site e auxiliar em nossos esforços de marketing. Em caso de dúvidas, consulte as Políticas do Site para saber mais.