No items found.
No items found.
Menu
Finalizar o Pedido
0
HOME
CATÁLOGO
Direito
Luiz Gama contra o Império: a luta pelo direito no Brasil da Escravidão

Luiz Gama contra o Império: a luta pelo direito no Brasil da Escravidão

Envio a partir de 15 de abril
Autor:
Bruno Rodrigues de Lima
Ano:
2024
Tradutor:
Prefácio:
Silvio Almeida
Tradutor:
Prefácio:
Silvio Almeida
1ª Edição
Encadernação:
Capa Dura
ISBN:
9786553961661
páginas:
628
Dimensões:
16
cm
×
23
cm
×
3.5
cm
Peso:
710
g

RESUMO

Combinando lições metodológicas de micro história e biografia para examinar a literatura normativo-pragmática e a prática jurídica de Gama nos juízos locais, o livro pode ser lido tanto como biografia jurídica, quanto como uma história do direito do século XIX a partir da vida e obra de um jurista.

sobre

“Luiz Gama contra o Império” marca um novo estágio nos estudos sobre a trajetória e a obra de Luiz Gama, este personagem tão importante de nossa história, nosso maior advogado, nosso abolicionista primeiro e um dos grandes pensadores da formação social brasileira. Bruno Lima dá corpo e nos permite um mergulho profundo no pensamento de Luiz Gama, mas também nas mazelas e nas possibilidades emancipatórias que fazem parte do Brasil." SILVIO ALMEIDA
"Se a História do Brasil fosse um misterioso quebra-cabeça e estivesse faltando uma de suas peças essenciais, você não levaria muito tempo para perceber que este livro é a peça que faltava." TÂMIS PARRON

A Editora Contracorrente tem a satisfação de anunciar o lançamento do livro “Luiz Gama contra o Império: A luta pelo direito no Brasil da Escravidão”, de autoria do pesquisador Bruno Rodrigues de Lima, reconhecidamente o maior especialista na obra de Luiz Gama.

A obra, que nasce clássica, corresponde à versão revista e atualizada da tese de doutorado que o autor defendeu na Faculdade de Direito da Johann Wolfgang Goethe-Universität Frankfurt am Main e que lhe rendeu o prêmio Walter Kolb de melhor tese de doutorado da Universidade de Frankfurt e a medalha Otto Hahn de destaque científico da Sociedade Max Planck.

Combinando lições metodológicas de micro história e biografia para examinar a literatura normativo-pragmática e a prática jurídica de Gama nos juízos locais, a obra pode ser lida tanto como biografia jurídica, quanto como uma história do direito do século XIX a partir da vida e obra de um jurista.

Para conhecer mais sobre o livro e Luiz Gama, assista à breve explicação do nosso autor:

Índice

PREFÁCIO
SOBRE O AUTOR
ABRE-ALAS
PRÓLOGO
NOTA EDITORIAL
INTRODUÇÃO – O PORQUÊ DE UMA HISTÓRIA DO DIREITO
CAPÍTULO I – MUNDO - No labirinto das nações: Luiz Gama e a invenção da liberdade na era do contrabando

1.1 A Bahia de Luiz Gama: o pai, a mãe “e os lugares em que brinquei com as crianças da minha idade”

1.2 O 10 de Novembro de 1840: oito anos de escravidão essa noite

1.3 Do cais do Valongo ao velho oeste paulista

1.4 A São Paulo de Gama: um menino preto na irmandade dos homens pretos do Rosário

1.5 O caminho da liberdade: letramento, fuga e papéis

1.6 Tornando-se livre, tornando-se negro na era do contrabando

CAPÍTULO II – APRENDIZADO - Soldado, amanuense e poeta: primeiro homem de armas, depois homem de letras

2.1 Luiz Gama e os africanos livres em São Paulo

2.2 No baile da política, Gama acaba sozinho na prisão

2.3 Tornando-se amanuense: arquivo local, arcana práxis e conhecimento normativo

2.4 Ferrão e arte: amanuense de dia, poeta de noite

2.5 Revisitando “o suplício de Santo Estevão”: Luiz Gama e a Faculdade de Direito de São Paulo

2.6 Literatura como missão: “a descoberta de Gutenberg” nas mãos de Luiz Gama

CAPÍTULO III – LITERATURA - A imprensa como jurisdição: da crônica forense à literatura normativo-pragmática

3.1 As nove pernas da Justiça

3.2 Cousas do Baixo Império: a crônica forense no Radical Paulistano

3.3 Questão de liberdade: a criação de uma literatura normativo-pragmática em tempos de escravidão

3.4 Questão de competência: Luiz Gama contra os juízes da escravidão

3.5 Questão de honra: a luta pelo direito até as últimas Consequências

CAPÍTULO IV – DIREITO - O conhecimento normativo de luiz gama e a produção normativa de liberdade no brasil

4.1 Descer a Serra do Mar: produção normativa de liberdade na comarca de Santos

4.2 Subir a Serra do Mar: produção normativa de liberdade na comarca da capital

4.3 Na quadrada das águas perdidas: produção normativa de liberdade nas comarcas do interior paulista

CAPÍTULO V – TEORIA - Racializar o conceito para radicalizar a luta pelo direito

5.1 No princípio era o verbete: experiência e conceito

5.2 Fúria, testemunho e método

5.3 O escravo que mata o senhor

5.4 Tumbeiro e túmulo: Constituição e modernidade

EPÍLOGO: MEMÓRIA, SAMBA E FUTURO
ARQUIVOS
CRÉDITO DAS IMAGENS
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

ÍNDICE REMISSIVO

APÊNDICE

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Suspendisse varius enim in eros elementum tristique. Duis cursus, mi quis viverra ornare, eros dolor interdum nulla, ut commodo diam libero vitae erat. Aenean faucibus nibh et justo cursus id rutrum lorem imperdiet. Nunc ut sem vitae risus tristique posuere.

Luiz Gama contra o Império: a luta pelo direito no Brasil da Escravidão

Preço de capa do Produto:
R$ 160,00 
Preço do Produto:
R$ 144,00 
Definir CEP PARA CÁLCULO de Frete
Adicionar CEP
Definir CEP PARA  CÁLCULO de Frete
CEP
Não foi possível realizar o cálculo de frete. Por favortente novamente.
VALOR DO FRETE para IMPRESSO NORMAL EM ATÉ X DIAS:
R$
Preço FINAL com FRETE:
R$
TOTAL A PAGAR:
R$ 144,00 

Luiz Gama contra o Império: a luta pelo direito no Brasil da Escravidão

Envio a partir de 15 de abril
Autor:
Bruno Rodrigues de Lima
Prefácio:
Silvio Almeida
Prefácio:
Silvio Almeida
Tradutor:
Prefácio:
Silvio Almeida
Tradutor:
Prefácio:
Silvio Almeida
Tradutor:
Tradutor:
Silvio Almeida
Ano:
2024
1ª Edição
Encadernação:
Encadernação:
Capa Dura
ISBN:
9786553961661
Dimensões:
16
cm
×
23
cm
×
3.5
cm
Páginas:
628
Peso:
710
g
Envio a partir de 15 de abril

RESUMO

Combinando lições metodológicas de micro história e biografia para examinar a literatura normativo-pragmática e a prática jurídica de Gama nos juízos locais, o livro pode ser lido tanto como biografia jurídica, quanto como uma história do direito do século XIX a partir da vida e obra de um jurista.

sobre

“Luiz Gama contra o Império” marca um novo estágio nos estudos sobre a trajetória e a obra de Luiz Gama, este personagem tão importante de nossa história, nosso maior advogado, nosso abolicionista primeiro e um dos grandes pensadores da formação social brasileira. Bruno Lima dá corpo e nos permite um mergulho profundo no pensamento de Luiz Gama, mas também nas mazelas e nas possibilidades emancipatórias que fazem parte do Brasil." SILVIO ALMEIDA
"Se a História do Brasil fosse um misterioso quebra-cabeça e estivesse faltando uma de suas peças essenciais, você não levaria muito tempo para perceber que este livro é a peça que faltava." TÂMIS PARRON

A Editora Contracorrente tem a satisfação de anunciar o lançamento do livro “Luiz Gama contra o Império: A luta pelo direito no Brasil da Escravidão”, de autoria do pesquisador Bruno Rodrigues de Lima, reconhecidamente o maior especialista na obra de Luiz Gama.

A obra, que nasce clássica, corresponde à versão revista e atualizada da tese de doutorado que o autor defendeu na Faculdade de Direito da Johann Wolfgang Goethe-Universität Frankfurt am Main e que lhe rendeu o prêmio Walter Kolb de melhor tese de doutorado da Universidade de Frankfurt e a medalha Otto Hahn de destaque científico da Sociedade Max Planck.

Combinando lições metodológicas de micro história e biografia para examinar a literatura normativo-pragmática e a prática jurídica de Gama nos juízos locais, a obra pode ser lida tanto como biografia jurídica, quanto como uma história do direito do século XIX a partir da vida e obra de um jurista.

Para conhecer mais sobre o livro e Luiz Gama, assista à breve explicação do nosso autor:

Índice

PREFÁCIO
SOBRE O AUTOR
ABRE-ALAS
PRÓLOGO
NOTA EDITORIAL
INTRODUÇÃO – O PORQUÊ DE UMA HISTÓRIA DO DIREITO
CAPÍTULO I – MUNDO - No labirinto das nações: Luiz Gama e a invenção da liberdade na era do contrabando

1.1 A Bahia de Luiz Gama: o pai, a mãe “e os lugares em que brinquei com as crianças da minha idade”

1.2 O 10 de Novembro de 1840: oito anos de escravidão essa noite

1.3 Do cais do Valongo ao velho oeste paulista

1.4 A São Paulo de Gama: um menino preto na irmandade dos homens pretos do Rosário

1.5 O caminho da liberdade: letramento, fuga e papéis

1.6 Tornando-se livre, tornando-se negro na era do contrabando

CAPÍTULO II – APRENDIZADO - Soldado, amanuense e poeta: primeiro homem de armas, depois homem de letras

2.1 Luiz Gama e os africanos livres em São Paulo

2.2 No baile da política, Gama acaba sozinho na prisão

2.3 Tornando-se amanuense: arquivo local, arcana práxis e conhecimento normativo

2.4 Ferrão e arte: amanuense de dia, poeta de noite

2.5 Revisitando “o suplício de Santo Estevão”: Luiz Gama e a Faculdade de Direito de São Paulo

2.6 Literatura como missão: “a descoberta de Gutenberg” nas mãos de Luiz Gama

CAPÍTULO III – LITERATURA - A imprensa como jurisdição: da crônica forense à literatura normativo-pragmática

3.1 As nove pernas da Justiça

3.2 Cousas do Baixo Império: a crônica forense no Radical Paulistano

3.3 Questão de liberdade: a criação de uma literatura normativo-pragmática em tempos de escravidão

3.4 Questão de competência: Luiz Gama contra os juízes da escravidão

3.5 Questão de honra: a luta pelo direito até as últimas Consequências

CAPÍTULO IV – DIREITO - O conhecimento normativo de luiz gama e a produção normativa de liberdade no brasil

4.1 Descer a Serra do Mar: produção normativa de liberdade na comarca de Santos

4.2 Subir a Serra do Mar: produção normativa de liberdade na comarca da capital

4.3 Na quadrada das águas perdidas: produção normativa de liberdade nas comarcas do interior paulista

CAPÍTULO V – TEORIA - Racializar o conceito para radicalizar a luta pelo direito

5.1 No princípio era o verbete: experiência e conceito

5.2 Fúria, testemunho e método

5.3 O escravo que mata o senhor

5.4 Tumbeiro e túmulo: Constituição e modernidade

EPÍLOGO: MEMÓRIA, SAMBA E FUTURO
ARQUIVOS
CRÉDITO DAS IMAGENS
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

ÍNDICE REMISSIVO

APÊNDICE

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Suspendisse varius enim in eros elementum tristique. Duis cursus, mi quis viverra ornare, eros dolor interdum nulla, ut commodo diam libero vitae erat. Aenean faucibus nibh et justo cursus id rutrum lorem imperdiet. Nunc ut sem vitae risus tristique posuere.

Relacionados

Relacionados

Lançamentos

Lançamentos

Ver Mais Livros RelacionadosVer Mais Lançamentos

Cadastre seu E-mail para Receber Novidades

E-Mail
Obrigado. Seu cadastro foi realizado com sucesso!
Não foi possível enviar seus dados. Por favor revise seu endereço de e-mail, aceite os termos e condições e tente novamente.
© Editora Contracorrente LTDA
2023
Alameda Itu, 852, 1º andar, Paulista, São Paulo – SP, 01421-002
CNPJ: 22.120.667.0001-60
Alameda Itu, 852, 1º andar, Paulista
CNPJ: 22.120.667.0001-60
São Paulo – SP
CEP: 01421-002
CNPJ: 22.120.667.0001-60
Ao clicar em "Aceitar", você concorda com o armazenamento de cookies em seu dispositivo para aprimorar a navegação no site, analisar o uso do site e auxiliar em nossos esforços de marketing. Em caso de dúvidas, consulte as Políticas do Site para saber mais.